Notícias

Métodos contraceptivos: conhecer para escolher

Terça, 23 Maio 2017 16:35

Escolher um método contraceptivo é algo pessoal, mas é fundamental a orientação de um médico. Só ele pode explicar quais as vantagens e desvantagens e qual vai se adequar ao momento de vida.

“Hoje, no consultório, quando o assunto são contraceptivos, fazemos uma pergunta: quando você quer engravidar. Se falar daqui um ano, a mulher é candidata a métodos de curta duração, como pílulas, adesivo ou injeções”, explica o ginecologista Rogério Bonassi, presidente da Comissão Nacional Especializada em Anticoncepção da Febrasgo.

Segundo o especialista, caso os planos de ter um bebê ainda incluem uma espera de anos ou é desejo da mulher não engravidar, recomendam-se métodos de longa duração.

“É uma tendência a mulher escolher o método junto com o médico”, diz Benassi.

Apesar de seguros, nenhuma alternativa é 100% eficaz. Conheça abaixo os métodos contraceptivos temporários – que podem ser interrompidos a qualquer momento.

Contraceptivo oral
É o método mais usado. Pode evitar a gravidez e ajudar a combater a TPM, acne, endometriose, cólica e síndrome dos ovários policísticos. Regula o ciclo menstrual. Exige disciplina para ingestão oral diária.

Injeção
Com os mesmos princípios da pílula, a injeção de hormônios pode ser feita mensalmente. Existe uma injeção de progesterona que é usada a cada 3 meses. Dispensa a disciplina da ingestão oral diária.


Deixe um comentário

Mais sobre o assunto

COMUNICADO URGENTE SOBRE AS ELEIÇÕES

COMUNICADO URGENTE SOBRE AS ELEIÇÕES

COMUNICADO URGENTE SOBRE AS ELEIÇÕES   Considerando não ter ...
COMUNICADO IMPORTANTE SOBRE AS ELEIÇÕES

COMUNICADO IMPORTANTE SOBRE AS ELEIÇÕES

Prezados Presidentes das Federadas FEBRASGO Nos dias 28 e 29 de junho ...
Manifestação da FEBRASGO sobre abusos sexuais  de médico do Ceará

Manifestação da FEBRASGO sobre abusos sexuais de médico do Ceará

A FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia ...