Notícias

Reunião Global da Sociedade Internacional do Cancro Ginecológico

Segunda, 11 Fevereiro 2019 10:55
Febrasgo é parceira da IGCS no encontro mundial 
 
A Reunião Global da Sociedade Internacional do Cancro Ginecológico é um dos mais importantes eventos acerca do tema e, em 2019, será sediada no Rio de Janeiro, de 19 a 21 de outubro. Com público estimado de 3.000 participantes, especialistas de todos os continentes compartilharão as mais recentes inovações sobre prevenção, diagnóstico e tratamento dessas patologias.
 
“Será a primeira vez que o encontro acontecerá na América do Sul. Espera-se um grande impacto na comunidade médica que está envolvida direta ou indiretamente com o manejo desse tipo de câncer”, conta o presidente da Comissão Nacional de Ginecologia Oncológica da Febrasgo, Jesus Paula Carvalho. “Todos serão com certeza beneficiados pelos novos conhecimentos apresentados”.
 
 A reunião é multidisciplinar e a programação, já divulgada no site oficial, conta com cursos de colposcopia e enfermagem, além de discussões de casos clínicos e cirurgias ao vivo. Vale destacar que certas atividades requerem inscrições prévias.
 
Serão abordadas as mais recentes informações de ponta, que abrangem cirurgia, quimioterapia, radioterapia e patologia. Ao longo dos três dias, mais de 100 palestrantes nacionais e internacionais participarão da reunião.
 
Entre os palestrantes já estão confirmados o diretor do A.C. Camargo Câncer Center, Glauco Baiocchi, além de Sven Becker, professor do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Universidade de Frankfurt, David Atallah, professor da Saint Joseph Univerity, no Líbano, e diversos outros, globalmente renomados, que dividirão suas experiências teórico-práticas.
 
O congresso terá espaço exclusivo para demonstração de estudos científicos, com data final de inscrição para 1º de abril. “Apresentar trabalhos em eventos internacionais de grande reputação é um dos pontos mais elevados da carreira de qualquer especialista”, ressalta Carvalho. Os artigos devem ser todos enviados em inglês e serão divididos em três tipos de apresentação: oral, em pôster ou em vídeo.
 
Categoriza-se como câncer ginecológico os que se dão na mama, colo do útero, endométrio, vagina, vulva, tubas uterinas, ovários e peritônio; eles representam 50% de todos os cânceres que ocorrem no corpo da mulher. Segundo Carvalho, cerca de 50.000 pessoas são afetadas anualmente em nosso País e muitos dos casos poderiam ser evitados e ou tratados.
 
“O Brasil é muito grande e o grau de desenvolvimento varia demais. Temos serviços de alta competência e qualidade igual aos melhores do mundo e lugares muito carentes. O objetivo deste evento é justamente contribuir para a qualificação de todos”, finaliza.
 

Deixe um comentário

Mais sobre o assunto

VULVODÍNEA: ATUALIDADES

VULVODÍNEA: ATUALIDADES

Em 2015 as três Sociedades descritas a seguir criaram a “...
Mais Médicos continua contratando sem revalidação de diploma

Mais Médicos continua contratando sem revalidação de diploma

O Ministério da Saúde alterou em cerca de ...
Ex-presidente Temer encerra mandato com resolução nociva à boa Medicina

Ex-presidente Temer encerra mandato com resolução nociva à boa Medicina

Foi homologada pelo ex-ministro de Estado da Saúde, Gilberto ...
O que pensa o novo ministro da saúde do Brasil

O que pensa o novo ministro da saúde do Brasil

Luiz Henrique Mandetta fala de seus projetos e prioridades para ...