Notícias

Live: Marketing Digital na ginecologia obstetrícia, quais os limites?

Segunda, 27 Julho 2020 12:22
A Febrasgo realizou uma transmissão, no dia 7 de julho, com o tema "Marketing digital na ginecologia obstetrícia, quais os limites éticos?", o debate foi comandado pelo Dr. Agnaldo Lopes, presidente da Frebrasgo, e contou com a participação da Dra. Maria Celeste Wender, diretora de Defesa e Valorização Profissional, além de Sandra Franca, advogada especialista em direito médico.
 
A live teve duração de uma hora e soma quase 1.700 acessos no canal da Federação no Youtube. Os pontos debatidos foram baseados na resolução 1974/11 do Conselho Federal de Medicina (CFM), que estabelece os critérios que norteiam a propaganda na Medicina – como anúncios, divulgação de assuntos médicos, sensacionalismo, promoções e proibições referentes à matéria.
 
De modo geral, as redes sociais são uma ferramenta importante para divulgação do trabalho médico. Mas o profissional deve se ater aos princípios da ética médica, que são:
- Esclarecer e educar a sociedade;
- Respeitar o sigilo profissional;
- Manter as pacientes no anonimato;
- Evitar sensacionalismo e a autopromoção;
- Não realizar consultas;
- Só anunciar os títulos de especialidade registrados no Conselho Regional de Medicina.
 
Para assistir a transmissão completa clique aqui

Deixe um comentário

Para otimizar sua experiência durante a navegação, fazemos uso de cookies. Ao continuar no site consideramos que você está de acordo com a nossa Política de Privacidade.

Aceitar e continuar no site