Notícias

ALERTA FEBRASGO: É PRECISO CUIDAR DE QUEM CUIDA DA GENTE!!!

Quinta, 23 Abril 2020 18:10

Mais de 9.000 profissionais de saúde dos EUA contraíram o novo coronavírus. Um grupo de pesquisadores da UFRJ mapeou o risco de contaminação de trabalhadores brasileiros durante a pandemia e, segundo esse estudo, ginecologistas e obstetras, assim como técnicos em saúde bucal e atendentes em enfermagem, foram considerados os mais vulneráveis. Nós, ginecologistas e obstetras, temos um compromisso histórico com a defesa da saúde e da vida das mulheres. As urgências e emergências, os casos oncológicos, o acompanhamento pré-natal e a assistência obstétrica demandam o nosso atendimento mesmo em tempos de pandemia. 

E, justamente neste cenário de dificuldades, a Febrasgo, reconhece e valoriza a força e atitude dos colegas que abrem mão de seu bem‐estar, bem como os de suas famílias, para dar assistência continua as gestantes e  pacientes em geral, enfrentando arduamente a crise da COVID-19. No entanto, expressamos a nossa preocupação, já que colegas em todo o país continuam a se arriscar ao contágio, alguns em quarentena e outros ficando, de fato, doentes. Com os hospitais funcionando com a capacidade acima do habitual e à medida que a crise se expande, o mesmo ocorre com os riscos para os profissionais de saúde. As limitações do nosso sistema de saúde e a escassez de equipamentos de proteção individual (EPIs) tornam esse risco ainda maior.


Temos que estar vigilantes e proativos na proteção de todos os profissionais de saúde durante a pandemia. Estamos na linha de frente na resposta à crise do COVID-19. Assumindo longas jornadas de trabalho, com limitações de equipamentos de proteção e de testes diagnósticos, tratando pacientes sob condições muitas vezes precárias: esse é o nosso cenário. Enfatizamos a necessidade de EPIs adequadas e disponíveis como medida fundamental de proteção durante uma ameaça emergencial à saúde como a COVID-19.
 

Nos colocamos à disposição do esforço nacional de enfrentamento da epidemia, propondo e realizando ações com o potencial de reduzir a progressão da contaminação, proteger pessoas e reduzir mortes. Expressamos a nossa preocupação com os nossos colegas nas linhas de frente. Os EPIs e as condições adequadas de trabalho são as nossas melhores defesas nesse momento, fundamentais para uma assistência de qualidade e com segurança. Isso ajudará não apenas a nos proteger, mas também nossas pacientes e familiares. A união é a nossa força nesse momento!


Deixe um comentário

Mais sobre o assunto

ADIAMENTO TEGO e TPI-GO 2020

ADIAMENTO TEGO e TPI-GO 2020

Considerando a situação atual da pandemia de COVID-19 em ...
Posicionamento da FEBRASGO frente à recomendação da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais

Posicionamento da FEBRASGO frente à recomendação da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais

Posicionamento da FEBRASGO frente à recomendação da Defensoria Pública ...
Ex-presidentes se reúnem para discutir conquistas e novos horizontes para a Febrasgo

Ex-presidentes se reúnem para discutir conquistas e novos horizontes para a Febrasgo

O atual presidente da Febrasgo, Dr. Agnaldo Lopes, se reuniu ...