Notícias

Abertas as inscrições para o Tego 2018

Quinta, 03 Maio 2018 12:07
Datas prováveis do exame serão 28 e 29 de julho, com provas teórica e teórico-prática. Para participar é preciso comprovar atividade profissional e enviar cópias de documentos
 
        Até às 18h de 4 de maio, a FEBRASGO aceita inscrições para o Exame de Obtenção de Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia (Tego 2018). O processo deve realizado eletronicamente (www.FEBRASGO.org.br), sendo que o candidato precisa estar com o boleto bancário pago para confirmar o aceite. As datas prováveis das provas são 28 e 29 de julho.

        O Exame terá duas avaliações, uma teórica, com 100 questões de múltipla escolha, sendo 50 de Ginecologia e 50 de Obstetrícia no dia 28; e uma prova teórica-prática, em 29 de julho, que abrangerá situações clínicas e/ou cirúrgicas. Para ser aprovado à segunda fase, é obrigatório acertar 60% das perguntas sobre Ginecologia e 60% das questões sobre Obstetrícia.

        “Até 2016, a prova era só teórica, mas não era mais suficiente, pois os avanços da medicina refletem-se no campo prático. Desde o ano passado temos a prova teórico-prática: a avaliação é complexa, pois devemos analisar a habilidade do candidato, se possui competência cognitiva, conhecimento, raciocínio clínico e se demonstra postura ética”, ressalta Roseli Nomura, presidente da Comissão Nacional do Tego (Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia) da FEBRASGO.

        Ela explica que, durante a prova teórico-prática, os avaliadores têm uma lista de checagem com os pontos necessários à boa performance do candidato:
        “Por exemplo, empatia com a paciente, se sabe responder as questões de ordem sexual, de contracepção, e se tem condições de dar um diagnóstico de doença grave.”

        Roseli destaca também que “o exame do Tego é voltado para o ginecologista generalista, que possa cuidar da maioria dos problemas de saúde da mulher. Não deve ser o top da alta tecnologia, mas tem de entender uma ultrassonagrafia, só para citar um item.” 

DETALHES DA INSCRIÇÃO

        Os aspirantes devem enviar todos os documentos, acompanhados dos originais, digitalizados por UPLOAD no momento da inscrição para efetivá-la.

        São exigidas cópias (frente e verso) autenticadas do original do diploma de médico, autenticada da Carteira Profissional do CRM e simples do comprovante de pagamento. Para os inscritos como sócio da FEBRASGO ou AMB (Associação Médica Brasileira) é exigido envio da cópia do comprovante de pagamento da anuidade de 2018.

        É indispensável ainda enviar cópias de documentos comprobatórios como o certificado de conclusão, com carimbo do COREME (Comissão de Residência) ou declaração de conclusão devidamente assinada e carimbada pelo coordenador da Comissão, comprovação mínima de seis anos de atividade profissional em Obstetrícia e Ginecologia.

        Para submeter-se à prova, o candidato deve estar inscrito de forma definitiva no CRM (Conselho Regional de Medicina), ter, no mínimo, dois anos de residência médica em Obstetrícia e Ginecologia, em programa credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica do MEC (CNRN/MEC) para quem iniciou o programa até 2006. Aqueles que começaram depois de 2006 precisam comprovar três anos de residência e conclusão do programa até a data final de inscrição.
       Se o candidato não participou do programa de residência, é necessário comprovar atividade profissional por no mínimo seis anos. O pedido de inscrição será analisado e a decisão estará disponível no site da FEBRASGO em 15 de junho.

        Durante as provas, é proibido usar ou portar telefone celular, bipe, pagers, walkman, notebook, palmtop, tablets, máquinas fotográficas, gravador ou qualquer outro aparelho que possibilite acesso a informação ou comunicação à distância.

          A lista de aprovados estará disponível no site da FEBRASGO em 14 de setembro de 2018.
          No último exame foram aproximadamente 800 aspirantes. Cerca de 500 passaram à segunda fase.

 


Deixe um comentário