Notícias

Vacinação da Coqueluche para Gestantes

Sexta, 17 Novembro 2017 17:03
        Tendo em vista:
  • A orientação dos associados Ginecologistas e Obstetras com informações técnicas e científicas;
  • Que o objetivo desta orientação seja a maior segurança no exercício profissional e a qualidade no atendimento das mulheres;
  • A manutenção de casos registrados de óbito em crianças abaixo de três meses de vida por coqueluche, prevenível através da vacinação adequada da mãe;
  • A existência de uma vacina tríplice bacteriana acelular do adulto (dTpa) disponível tanto na rede privada, quanto na rede pública (gratuitamente) e
  • Finalmente, pelos índices atuais de cobertura vacinal das gestantes estar abaixo do esperado;
       A Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia – FEBRASGO –   vem por meio desta, RECOMENDAR que toda gestante e em cada gestação receba  orientação e prescrição de uma dose de vacina dTpa para ser aplicada após a 20ª semana de gestação (até 15 dias antes do parto, para ter algum efeito de transferência de anticorpos para o feto). Adicionalmente, é salutar a orientação da mesma vacinação para os possíveis contatos da futura criança.
       A FEBRASGO acredita que a perda de um filho tão precoce e por uma doença prevenível, cuja principal fonte de transmissão é a própria família, resulta em um imenso transtorno para a vida das mulheres e seus familiares. Ao fazer tal ação durante a gestação e deixando-a registrada, o Ginecologista e Obstetra, além de exercer sua função maior de zelar pela vida, poderá se eximir de possível responsabilização judicial, no caso de ocorrer alguma fatalidade decorrente da coqueluche neonatal.

Deixe um comentário

Mais sobre o assunto

COMUNICADO FEBRASGO - ELEIÇÕES 2019

COMUNICADO FEBRASGO - ELEIÇÕES 2019

A Diretoria da FEBRASGO em decorrência de notícias ...
NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE AS ELEIÇÕES DE 2019

NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE AS ELEIÇÕES DE 2019

A Diretoria da FEBRASGO vem, novamente, à presença  dos seus ...