Notícias

Posicionamento Febrasgo sobre os fatos recentemente narrados na imprensa relativos ao julgamento de um caso de estupro.

Quarta, 04 Novembro 2020 14:41

A Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO) vem a público manifestar repúdio aos lamentáveis fatos amplamente narrados pela mídia ocorridos durante o julgamento da denúncia de estupro de vulnerável sofrido pela influenciadora digital Mariana Ferrer. 

As imagens mostram a imensa falta de decoro por parte da defesa que sem o menor constrangimento expressa sua opinião pessoal sobre a vida pregressa da vítima, inclusive mostrando suas imagens pessoais publicadas nas redes sociais que não estavam relacionadas ao mérito da causa, numa clara tentativa de desabonar e constranger a vítima, distorcendo o embate do mérito a ser observado durante o julgamento. As cenas revelam o quão vulneráveis estão as mulheres brasileiras para exercerem seus direitos de denunciarem as agressões que sofrem e o quanto o Estado precisa de reformas para garantir esses direitos com atitudes acolhedoras e imparciais em um processo e um julgamento dessa ordem.  

Reafirmamos que é compromisso da FEBRASGO o apoio à garantia dos direitos sexuais e reprodutivos das meninas e mulheres brasileiras e que continuaremos atuando junto às instituições do nosso país, de maneira a impedir que situações como essa continuem a se repetir em nossa sociedade.

Comissão Nacional Especializada (CNE) de Violência Sexual e Interrupção Gestacional Prevista em Lei


Deixe um comentário

Para otimizar sua experiência durante a navegação, fazemos uso de cookies. Ao continuar no site consideramos que você está de acordo com a nossa Política de Privacidade.

Aceitar e continuar no site